Principais diferenças entre SaaS e ASP

Diferente do ASP, o modelo SaaS está com bastante foco no momento. Mas ainda existem algumas dúvidas e confusões a cerca das principais diferenças entre os dois modelos, principalmente porque ambos são formas de entrega de aplicações na nuvem.


Porém antes de tratarmos as diferenças, precisamos definir como funcionam cada um dos modelos. Da forma mais básica, o ASP (Application Service Provider) é um modelo que possibilita acesso a aplicações e software através de uma infraestrutura de rede. Já o SaaS (Software as a Service) é um modelo de licenciamento e entrega de software baseado em assinatura e entregando várias aplicações de negócios.




Tipo de solução


Em geral, os provedores ASP mais tradicionais fornecem hospedagem e acesso de software legado geralmente baseados no modelo cliente servidor, gerando com isso, a necessidade de instalação de algum tipo de cliente para acesso por parte do usuário.


Já o modelo SaaS entrega aplicações quase sempre 100% baseadas em web, construídas pelo próprio fornecedor, hospedada inteiramente na nuvem e com acesso diretamente pela web.

Escala


Devido a arquitetura dos sistemas que os provedores ASP hospedam, é comum para cada cliente o provedor manter uma instalação e um ambiente específico. O acesso às aplicações geralmente é realizado por meio de soluções de acesso remoto de terceiros, aumentando assim a complexidade e dificultando a escala.


Por outro lado, soluções SaaS não necessitam de infraestrutura única por cliente, ou seja, uma infraestrutura centralizada atende a todos os usuários, possibilitando um crescimento exponencial.

Cobrança


O modelo de cobrança mais comum para SaaS é o pagamento pelo uso, variando apenas a métrica utilizada para mensurar este uso. Modelos comuns de cobrança de SaaS são assinaturas mensais por usuário, por tráfego ou por componente específico. Devido a escalabilidade do modelo SaaS o custo é diluído tornando o valor extremamente atrativo frente a modelos de licenciamento tradicional.


Em contra partida, os provedores ASP cobram pelo serviço de hospedagem das aplicações, tipo e uso de infraestrutura do ASP além de serviços adicionais de atualização e suporte ao software. Além destas cobranças, como o provedor hospeda aplicações de terceiros, o custo de aquisição e licenciamento do software é todo do cliente.

Atualização


No SaaS, o fornecedor aplica regularmente atualizações, manutenções e melhorias, garantindo que todos os clientes do software sempre utilizem a versão mais atualizada. O ASP, por outro lado, exige que o provedor atualize a instância de cada ambiente e cliente, um por um, tornando o processo caro e demorado.

Manutenção


Assim como a atualização, as manutenções realizadas em um modelo baseado em SaaS são aplicadas a todos os clientes e usuários ao mesmo tempo, enquanto o ASP necessita de aplicar manutenções na infraestrutura e em cada um dos softwares hospedados.

Acesso


As soluções SaaS são construídas do zero em um modelo totalmente on-line podendo assim tirar o máximo de proveito dos recursos e dependendo unicamente da web. Os provedores ASP em geral oferecem um aplicativo de acesso de terminal entro o cliente e o software hospedado, limitando assim o acesso a clientes proprietários em dispositivos compatíveis.

Como o meu software é distribuido?


Estas perguntas podem auxiliar a identificar o tipo de modelo o qual o software que você utiliza é fornecido. Podem existir exceções em ambos os modelos e o ideal é você conversar abertamente com o seu provedor de software.